Notícias

UFI divulga 18° Barômetro

316views

A UFI (The Global Association of the Exhibition Industry) acaba de divulgar seu 18° Barômetro apontando as principais tendências globais da indústria de exibição. A associação representa os principais organizadores de feiras de negócios do mundo, associações e parceiros da indústria de exposições.

A pesquisa do Barômetro Global vem medindo o pulso da indústria de exposições desde 2008. A 18ª pesquisa, concluída em Janeiro de 2017, foi respondida por 240 empresas de 54 países. Os resultados são detalhados para 14 zonas geográficas e 10 principais mercados nacionais.Os resultados do inquérito revelam que, apesar da contínua desaceleração do crescimento econômico mundial e do declínio Internacional, a indústria de exposições continua orientada para o crescimento contínuo em 2017. A maioria das empresas em 2017, após dois anos de níveis relativamente estáveis ​​de lucro operacional. Os EUA, México, China e Reino Unido desempenho acima da média. Brasil e Rússia também indicam uma tendência positiva no volume de negócios, mas apenas para 2017. Quando perguntado sobre o possível impacto de recentes acontecimentos políticos mundiais importantes (como o voto Brexit, o golpe na Turquia e nas eleições presidenciais dos EUA) sobre o comércio internacional e a indústria de exposições, 45% dos participantes a nível mundial  afirmaram o impacto negativo limitado ou significativo sobre as empresas. Têm um impacto positivo nos negócios. Em média, 20% não prevê nenhum impacto, e 20 a 30% estão inseguros.  Uma questão central do Barômetro Global da UFI pede as “questões comerciais mais importantes” que as empresas estão enfrentando atualmente. Assim como nos últimos anos, o “Estado da economia nacional / regional” e a “Incerteza econômica global”.Abrangendo as perspectivas estratégicas da indústria global de exposições, o barômetro mostra uma expansão contínua, tanto em bases domésticas como em novos mercados geográficos. A grande maioria das empresas pretende desenvolver novas atividades, além da gama clássica de atividades da indústria de exposições (Local / organizador / serviços), ou em outros eventos ao vivo ou virtuais, ou em ambos. Uma média de quatro em cada dez empresas também Intenção de desenvolver operações em novos países. Este valor é particularmente elevado para as empresas com sede no Reino Unido (70%), os EUA (67%) e Oriente Médio (57%).

 

Fonte: UFI