Notícias

5 dicas para montar um estande de forma eficaz

202views

Várias empresas têm o costume de participar das feiras de negócios como expositores e, para isso, é necessário um estande. Porém, muitas delas não sabem como montar um estande de forma eficaz.

A participação em feiras é um tipo de projeto que demanda muito planejamento, antecipação, organização e atenção aos detalhes, afinal, o estande da empresa deve ser a principal vitrine que a empresa mostrará ao mercado.

Separamos algumas dicas para que você possa executar esse tipo de projeto e montar seu estande de forma bem sucedida.

  • Faça um bom briefing

O primeiro passo para qualquer tipo de projeto é a elaboração de um documento que contenha todas as informações e diretrizes a serem seguidas para sua execução. A este documento damos o nome de briefing. Nele, deverão constar os objetivos e o perfil da empresa para que o projetista possa elaborar um estande que transmita os valores da empresa.

Neste ponto, também, entra a toda a parte de comunicação visual da empresa. Com banners, lonas e totens é que a empresa passará a imagem desejada. Um ótimo exemplo é a adoção de televisores e painéis de LED para compor a comunicação.

Uma empresa que traz estes elementos transmite uma sensação de modernidade e de que é uma empresa conectada às melhores tecnologias e inovação.

Toda a comunicação visual e decoração será um reflexo do que estiver no briefing, então, capriche em sua confecção.

2 – Escolha um tipo de estande

Basicamente, existem 5 tipos de estande que podem ser utilizados em uma feira, conheça cada um deles:

Estande básico: é construído com sistemas modulares e não permite muitas inovações. É, de longe, o modelo mais em conta;

Estande padrão: também é totalmente modular; o que o diferencia do básico é o piso elevado que tem um teto pergolado em alumínio;

Estande misto: tem elementos modulares, mas também conta com elementos construídos e personalizados;

Estande construído: não utiliza nenhuma peça modular e é personalizado com estruturas mais arrojadas em madeira e até mezaninos;

Estande cenográfico: este tipo não segue nenhum padrão e é utilizado para ambientações temáticas para chamar a atenção dos visitantes.

  • Prepare-se com antecedência

Construir um estande não é algo simples e rápido, então, nada de deixá-lo para a última hora. Se o fizer, você corre o risco de receber um projeto de baixa qualidade ou, simplesmente, não conseguir um. O ideal é começar a organização da participação nas feiras de negócio com três meses de antecedência.

Outro fator importante é a atenção aos prazos exigidos pelas organizadoras das feiras. Você tem um prazo máximo para solicitar os serviços que serão utilizados dentro da feira, como ponto de energia, ponto de água e deságue, internet, segurança, limpeza e emissão de credenciais.

  • Pense em seus visitantes

Com certeza, você precisará de um espaço para receber seus visitantes com mesas e cadeiras. Logo, você precisa passar isso para a empresa que construirá seu estande.

Solicitar uma pequena sala de reuniões também é essencial. Verifique se a montadora escolhida oferece a locação dos móveis necessários pois, se não, você deverá contratar com outra empresa.

Vai servir comidas em seu buffet? Então você precisa de um espaço para uma minicozinha e também um depósito.

Para a confecção do projeto do depósito, é importante levar em consideração todos os materiais que serão levados e que precisem ficar armazenados, como folhetos, brindes, bebidas, sacolas, etc.

  • Escolha uma boa localização

No ato da compra de um espaço na feira, procure por espaços mais próximos à entrada do evento ou, então, próximos a empresas de seu segmento de atuação, afinal, vocês dividem o mesmo público

Locais próximos às praças de alimentação e banheiros podem ser uma boa opção. O importante é se adquirir um local por onde passe um grande fluxo de pessoas e que você consiga uma boa visibilidade.

  • Seja precavido

Sempre leve uma maleta com algumas ferramentas ao evento, afinal, nunca se sabe quando imprevistos podem acontecer. Ao final da montagem, realize uma inspeção em seu estande e verifique se não existem possíveis problemas que podem ser evitados.

 

Fonte: Imagem Scan